Primeira Massa Crítica de 2021 realiza-se esta sexta-feira em Lisboa

Fotografia cortesia de Catarina Lopes

O hábito estava criado: na última sexta-feira de cada mês, às 18h30, e com ponto de encontro no Marquês de Pombal, vários ciclistas juntavam-se para percorrerem algumas ruas de Lisboa, mostrando que existem em bom número, que são uma “massa crítica”. Mas, entretanto, meteu-se a pandemia, um confinamento e esses encontros foram suspensos. O primeiro deste 2021 realiza-se, então, esta sexta, em segurança. Todas as pessoas estão convidadas, bastando aparecer pelas 18h30 no Marquês.

A Massa Crítica é um passeio de bicicleta mensal para celebrar o uso da bicicleta e para afirmar o direito dos ciclistas à estrada. A ideia começou na cidade norte-americana de São Francisco, em 1992, e rapidamente se espalhou por outras cidades. Em Portugal, realiza-se habitualmente em Lisboa, Oeiras, Porto e também Faro. Também conhecidas como “Bicicletadas”, os eventos Massa Crítica são celebrações que marcam a presença de utilizadores de bicicletas, trotinetas, patins, skates e outros veículos associados à dita mobilidade suave nas ruas, tornando-os visíveis pelo número e densidade da concentração.

A Massa Crítica de Lisboa é a mais activa e antiga a nível nacional, realizando-se desde 2003. O Marquês de Pombal é historicamente o ponto de encontro e de partida. Os rostos da Massa Crítica foram mudando ao longo dos anos, acompanhando a própria evolução da bicicleta na cidade. Cada Massa Crítica acaba geralmente com conversa e às vezes com um copo ou um jantar em local definido pelos presentes. O percurso é também definido pelos participantes, não há programas fixos, nem pré-definidos. O intuito destas iniciativas é também proporcional momentos de encontro e convívio entre quem escolhe a bicicleta como meio de transporte, permitindo fazer amizades, trocar ideias e partilhar experiências.

Se quiseres juntar-te à Massa Crítica Lisboa nesta sexta-feira, basta apareceres no Marquês de Pombal pelas 18h30. A partida será por volta das 19 horas. A utilização de máscara será imprescindível para a realização deste passeio informal em segurança, onde a própria circulação de bicicleta já permite um natural distanciamento físico. A Massa Crítica deverá passar a realizar-se, daqui adiante, todas as últimas sextas-feiras de cada mês.