Subscreve e ganha conteúdos exclusivos. Sabe mais aqui.
Procurar
Fechar esta caixa de pesquisa.

TVAmadora, há 15 anos a quebrar preconceitos

Nasceu no meio do boom das Web TVs, no final da década 2010, e mantém-se activa desde então. A TVAmadora é um canal de televisão local, exclusivamente online, que se tem dedicado a mostrar os outros lados de uma cidade que costuma estar negativamente representada na comunicação social.

Rui e Helena são os rostos da TVAmadora (fotografia LPP)

É a partir de uma pequena sala na Damaia que Rui Mesquita e Helena Durães produzem um canal de televisão, dedicado à cidade da Amadora. “Não fazemos politiquice, nem crime. E excluindo estas coisas, conseguimos logo focar”, atira Rui. Na TVAmadora, mostra-se um outro lado do concelho que costuma estar nas notícias pelos piores motivos. Fala-se de cultura, de desporto, do património, de festas populares e, claro, de toda a actualidade relevante. O vídeo é a base do noticiário da TVAmadora, mas há espaço para mais.

A dupla de jornalistas está a celebrar os 15 anos da TVAmadora. Rui fundou esta Web TV entre o “final de 2007, início de 2008”, numa altura em que “a internet era muito diferente daquilo que é hoje”. “A velocidade da internet em casa das pessoas era diminuta. Hoje falamos em gigas. Na altura, era ADSL”, conta o director. “Não havia telemóveis a abrir internet. Tinham de ver no computador de casa.” A história deste canal de televisão digital entrelaça-se com a evolução tecnológica da última década e meia. Na sala onde Rui e Helena produzem, escrevem, editam e transmitem diariamente a TVAmadora, acumula-se uma parte dessa história. Desde antigas câmaras de filmar a leitores de cassetes, mas também caixas de DVDs, cabos antigos e outros materiais electrónicos que deixaram de ter uso. Mas está tudo ali, como se de uma redacção-museu se tratasse.

Este artigo faz parte da edição impressa do LPP. Pode ser lido com uma subscrição LPP 6 ou LPP 12. Se já és subscritor, faz log in.
PUB

Junta-te à Comunidade LPP

A newsletter é o ponto de encontro de quase 3 mil pessoas.