Subscreve e ganha conteúdos exclusivos. Sabe mais aqui.
Procurar
Fechar esta caixa de pesquisa.

MediaCon. Comunicação social não-tradicional convida a discutir o futuro do jornalismo

Chama-se MediaCon e consistirá em dois dias de debates, conversas e workshops para discutir o presente e futuro do jornalismo e da democracia. Um encontro organizado por 16 órgãos de comunicação social, incluindo o LPP, e aberto a todas as pessoas.

MediaCon acontecerá no Goethe-Institut, em Lisboa (fotografia LPP)

O universo dos órgãos de comunicação não-tradicionais em Portugal tem vivido grandes transformações nos últimos dez anos. Novas vozes, outras formas de fazer jornalismo, mais próximo, menos formal, inovação e desafios. Com o objetivo de fomentar o debate cada vez mais necessário sobre o futuro do jornalismo, dezasseis meios de comunicação social portugueses uniram forças para organizar a MediaCon. Este evento terá debates, conversas e workshops dirigidos ao público em geral, e decorrerá durante dois dias (28 e 29 de Junho) nas instalações do Goethe-Institut em Lisboa.

De entrada livre e gratuita, a programação do MediaCon foi pensada e construída em conjunto pelas redacções. Desse programa destacam-se os dois debates magnos, um sobre jornalismo de proximidade e outro sobre a sustentabilidade do jornalismo, um dos pilares da democracia. Estes debates contam com a participação de convidados de organizações europeias da área do jornalismo, como Brigitte Alfter (Arena for Journalism in Europe), Peter Matjašič (Investigate Europe) e Olaya Argüeso Pérez (CORRECTIV).

Banner da MediaCon (DR)

Os dilemas das investigações longas, a acessibilidade (ou falta dela) na comunicação social, desafios do jornalismo desportivo, ou como o jornalismo e a arte se podem cruzar, serão também tema do encontro. Nos workshops haverá oportunidades de aprendizagem sobre jornalismo de soluções, literacia mediática ou Inteligência Artificial.

A programação completa pode ser consultada em goethe.de/portugal/mediacon.

“Muitas histórias ficam por contar, e pontos de vista por considerar, num mundo dominado pela informação rápida e quotidiana”, pode ler-se no site do evento. “A MediaCon defende a importância de alargar visões e perspetivas com um jornalismo que se aproxima das comunidades e é acessível a todas as pessoas. Defende um jornalismo profundo, lento e analítico sobre as realidades que nos rodeiam, reflexivo sobre si próprio e o seu impacto na sociedade. Tal só é possível com o apoio a uma crescente pluralidade mediática, que procura vozes, histórias e realidades que permanecem invisibilizadas.”

A MediaCon é co-organizada pelas redacções do Azul, AfroLink, Bantumen, Bola Na Rede, Coimbra Coolectiva, Comunidade Cultura e Arte, Divergente, Fumaça, Gerador, LPP, Mensagem de Lisboa, Projecto Inocência, Rimas e Batidas, Shifter e ZeroZero, e pela equipa do ex-Setenta e Quatro.  O Goethe-Institut Portugal apoia a organização e acolhe o evento nas suas instalações.

Inscreve-te aqui. É gratuito.

PUB

Junta-te à Comunidade LPP

A newsletter é o ponto de encontro de quase 3 mil pessoas.